Criacionista nos Estados Unidos tenta processar o Grand Canyon

Um criacionista nos Estados Unidos abriu um processo judicial contra os coordenadores do parque nacional do Grand Canyon, por não o terem deixado recolher amostras geológicas na tentativa de comprovar a teoria de criação.

Um criacionista é uma pessoa que defende a teoria de criação. Esta teoria defende que a terra foi criada em 7 dias pelo deus, e que os acontecimentos no antigo testamento todos ocorreram cerca de cinco mil anos atrás.

O senhor queria recolher amostras do Grand Canyon na tentativa de comprovar que as camadas geológicas expostos no desfiladeiro tiveram origem na inundação do mundo, acontecimento encontrado na história do noé. De acordo com a história do noé, o deus chateado com a maldade do homem inundou o mundo salvando apenas o noé, a sua família e dois de cada animal no planeta (um macho e uma fêmea).

A teoria mais aceito pela formação do Grand Canyon (defendida por estudos mais recentes) é que as camadas foram formados ao longo de dois mil milhões (2,000,000,000) de anos. O “corte” que forma o Grand Canyon terá sido “escavado” por ação de ersão do rio Colorado entre cinco a seis milhões de anos atrás.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *